19 julho 2013

POBRE RIO GRANDE DO NORTE: GOVERNO DO ESTADO DESCUMPRE DECISÃO JUDICIAL.

Está virando rotina! O Governo do Estado do Rio Grande do Norte contrariou decisão judicial de convocar 1.200 professores e especialistas para as escolas estaduais do RN. 
 
A decisão, emitida desde dezembro do ano passado, determina que sejam convocados 1.200 profissionais, sendo que somente seiscentos (600) foram contratados em maio deste ano. 
 
Os 600 restantes deveriam ser chamados no prazo de 60 dias (3 de julho), o que não ocorreu.

descumprido o prazo, o Governo afirmou que não vai convocar os 600 professores restantes. 
 
De acordo com matéria publicada pelo jornal Tribuna do Norte, nesta quinta-feira, 18, a secretária estadual de Educação, Betânia Ramalho, disse que os outros 600 só serão chamados “se for estritamente necessário”.
 

Nenhum comentário: