29 junho 2013

VOCÊ SABE COMO FUNCIONA O PENHOR DE BENS NO BRASIL?

Penhorar bens no Brasil é um assunto cada vez mais comentado e algo que os brasileiros têm apelado muito como alternativa para obtenção de crédito, uma vez que o penhor oferece de certa forma, menos burocracias e limitações que outras linhas de crédito mais convencionais. 

Onde penhorar

No Brasil, só a Caixa Econômica Federal pode oferecer crédito por penhor de bens. A Caixa detém o monopólio até então no país e a falta de concorrência evidentemente, faz com que o mercado seja menos explorado e também as taxas de juros não sejam menores do que poderiam. 

Penhor de bens – Caixa Econômica Federal 

O que se pode penhorar

Podem-se penhorar alguns tipos de metais nobres, joias e utensílios de alto valor, tais como: joias em ouro, prata, com pedras de diamante, pratarias, canetas e relógios originais de valor. 

Por que penhorar

Com o aumento do poder aquisitivo do brasileiro, as pessoas estão adquirindo mais coisas de valor e estão também se endividando mais, o que resulta na busca pelo crédito. Quando elas se deparam com as altas taxas de juros, elas buscam alternativas e é aí que entra o Penhor.

Outro atrativo para o penhor é para quem tem problemas com SPC/SERASA, pois impossibilita a aquisição de crédito em praticamente qualquer outra opção, o que não acontece com penhores.
 

Como penhorar seus bens

De posse do bem a ser penhorado, basta levar ao setor responsável em uma das agências da Caixa Econômica para que ele possa ser avaliado.

O valor atribuído pelo avalista da Caixa vai depender de uma série de fatores, como relacionamento do cliente com o banco e este pode realmente influenciar muito no valor avaliado, que pode chegar a mais de 100%. Mas em geral a avaliação pode atingir qualquer valor do bem a ser penhorado a partir de 10% do valor de mercado.

É importante saber que ao levar seu bem para ser penhorado, não importará o quanto ele importa para você, a coisa lá funciona com matemática, cálculos e margens de segurança para o banco.
Penhor Como funciona o Penhor de bens no Brasil   Onde penhorar
Ao levar um bem para ser penhorado, o banco avalia seu bem, analisa seus valores, aplica seus fatores e calcula um percentual deste bem para lhe emprestar em quantia. Você então negocia as parcelas que pagará ao banco em no máximo 6 meses com a taxa de juros embutida na parcela.
 
A taxa de juros de um penhor pode ser até mais em conta do que outras modalidades de crédito, mas penhorar bens sem calcular, pensar, avaliar e reavaliar direito, pode ser uma furada. O melhor é fazer todas as contas e comparar sempre com outras opções de crédito. Geralmente os juros que o banco cobra é em torno de 1,7%.
 
Se você quiser resgatar seu bem antes do prazo estipulado, poderá fazê-lo. Mas terá que antecipar todas as parcelas que ainda faltarem e haverá um recálculo nos juros.
 
fontesemmundo.com

Nenhum comentário: