31 agosto 2012

POPULAÇÃO JÁ PODE FALAR DE GRAÇA A PARTIR DE ORELHÕES.


Desde ontem, a população brasileira já pode falar mais e de graça a partir dos telefones públicos, conhecidos como orelhões, da operadora Oi. Entrou em vigor a decisão da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) para que a concessionária isentasse a cobrança por chamada de orelhões para telefones fixos. 

Contudo, a população potiguar parece ainda não saber da novidade e os orelhões seguem sem uso, como meras peças de decoração nas calçadas ou servindo de abrigo para o sol. No Centro da cidade, o Diário de Natal constatou que nenhum dos entrevistados sabia da nova opção de ligação gratuita.

A decisão faz parte do Plano de Revitalização de Telefonia de Uso Público da Anatel, iniciado em 2011, que exigiu que suas concessionárias realizassem um plano de vistoria e reparo nos orelhões de todo o país. 

Como a Oi não atendeu a alguns critérios estabelecidos, entrou em acordo com a agência para deixar de cobrar pelas ligações feitas em seus 760 mil orelhões espalhados pelo país para telefones fixos. A gratuidade vale até outubro ou dezembro, com o prazo variando conforme a resolução dos problemas apresentados pela operadora em cada cidade.

Os orelhões passaram a entrar em desuso após o boom da telefonia celular. Atualmente, muitos estão em más condições de conservação e os que funcionam raramente são usados pela população. 

Desde abril, a mesma proibição de cobrança foi determinada para a Embratel nas chamadas nacionais de longa distância, feitas por meio do código 21 nos 1,5 mil orelhões sob responsabilidade da concessionária. A medida de gratuidade das ligações de orelhões para telefones fixos, que vale até 31 de dezembro, foi decidida pela Anatel por causa do desempenho insatisfatório da concessionária na execução do plano de revitalização da telefonia de uso público.


fonte:dnonline

Nenhum comentário: