09 agosto 2012

GASTOS DOS SENADORES CRESCEM NO PRIMEIRO SEMESTRE; NÓS PAGAMOS A CONTA.


Despesas dos parlamentares reembolsadas pelo Senado dispararam mais de 50% em comparação com o mesmo período do ano passado, mesmo quando desconsideradas as passagens aéreas. As despesas dos senadores no primeiro semestre deste ano custaram ao Senado mais de R$ 7 milhões

Apenas nos seis primeiros meses do ano, o Senado ressarciu R$ 7,52 milhões de despesas dos senadores com combustível, hospedagem, alimentação, aluguel de escritório, consultoria, segurança privada e divulgação do mandato, incluídas na antiga verba indenizatória.

Um crescimento de 54% em relação aos R$ 4,89 milhões referentes a esse mesmo tipo de despesa, considerado o igual período de 2011.

Somente nos seis primeiros meses do ano, sete senadores registraram mais de R$ 200 mil em despesas relacionadas ao exercício do mandato ressarcidas pelo Senado. O ex-líder do governo Romero Jucá (PMDB-RR), o ex-líder da oposição Mário Couto (PSDB-PA) e o atual quarto-secretário da Mesa Diretora, Ciro Nogueira (PP-PI) foram os três parlamentares que mais tiveram despesas cobertas pela Casa nos primeiros seis meses deste ano.



fonte:congressoemfoco

Nenhum comentário: