04 julho 2012

PLENÁRIO DO SENADO VOTARÁ CASSAÇÃO DO MANDATO DE DEMÓSTENES TORRES NA PRÓXIMA QUARTA FEIRA (11).


A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou, por unanimidade, nesta quarta-feira (4), o relatório sobre o parecer que recomenda a cassação do mandato do senador Demóstenes Torres (sem partido-GO). 

Com a aprovação do Parecer, o projeto de Resolução será encaminhado à Mesa Diretora do Senado, que o encaminhará para o Plenário, onde deverá ser submetido a votação secreta na próxima quarta-feira, 11. 

Demóstenes é acusado de usar seu mandato em defesa dos interesses do contraventor Carlos Augusto Ramos, o famoso Carlinhos Cachoeira. 

As suspeitas sobre a ligação entre o senador e o contraventor foram apontadas pela Polícia Federal, durante investigações da Operação Monte Carlo. 

Demóstenes aparece em escutas telefônicas interceptadas pela polícia. 

O senador Humberto Costa (PT-PE) disse haver provas "robustas" e manifestas" do envolvimento de Demóstenes com o contraventor Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira. 

Para cassar o mandato de Demóstenes, serão necessários pelo menos 41 votos favoráveis dos senadores, a maioria absoluta daquela Casa de Leis.

Nenhum comentário: