01 dezembro 2011

ONZE GOVERNADORES NA MIRA DA JUSTIÇA ELEITORAL.

.
Um total de 11 governadores eleitos ou reeleitos em 2010 correm o risco de perder seus mandatos por causa de processos no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Anchieta Júnior (PSDB, Roraima); Tião Viana (PT, Acre); Teotonio Vilela (PSDB, Alagoas); Omar Aziz (PSD, Amazonas); Cid Gomes (PSB, Ceará); Siqueira Campos (PSDB, Tocantins); Wilson Martins (PSB, Piauí); Antonio Anastasia (PSDB, Minas Gerais); Roseana Sarney (PMDB, Maranhão); André Puccinelli (PMDB, Mato Grosso do Sul); e Sérgio Cabral (PMDB, Rio de Janeiro) respondem a processos abertos pelo TSE.

A maioria das acusações são de abuso de poder político e econômico e uso indevido de meios de comunicação por parte desses governadores.

Recentemente o TSE cassou os mandatos dos então governadores Cássio Cunha Lima (PSDB, Paraíba), Marcelo Miranda (PMDB, Tocantins) e Jackson Lago (PDT, Maranhão), que morreu em abril. 
.
No primeiro processo julgado sobre as eleições 2010, o TSE absolveu a governadora do Rio Grande do Norte, Rosalba Ciarlini (DEM), por falta de provas.
.
.
jusbrasil
.

Nenhum comentário: