20 maio 2010

CORRIDA PRESIDENCIAL: QUEM SÃO ELES.

.
O que diz o Google sobre os presidenciáveis brasileiros?

Principal ferramenta de busca da internet, o Google sugere palavras ou expressões relacionadas aos termos digitados pelo internauta em seu site. A sugestão é feita com base nas buscas mais frequentes feitas sobre um assunto específico. O UOL Eleições digitou o nome dos três principais pré-candidatos à Presidência da República para saber quais termos estariam associados a cada político. Veja abaixo o resultado:

José Serra é médico?
“Médico”, “maçom” e “casado” são os três termos sugeridos pelo sistema do Google quando digitamos “José Serra é” no campo de busca da ferramenta.
.
O que se observa a partir do primeiro termo buscado é que muitos usuários confundem a profissão do candidato. Embora Serra tenha sido ministro da Saúde no governo de Fernando Henrique Cardoso, em 1998, Serra cursou economia e fez seu mestrado nessa disciplina pela Universidade do Chile.

Quem está curioso para saber se Serra é casado, a resposta é sim. O nome de sua esposa é Mônica Allende Serra. O pré-candidato também tem um casal de filhos.

Ministra de quê, mesmo?
Ao digitar o mesmo termo para a pré-candidata à presidência do PT (Dilma Rousseff é), as palavras sugeridas pelo sistema são “ministra de que” e “terrorista”

Mesmo tendo a sua imagem muito associada ao governo Lula, o Google mostra que muita gente não sabe qual é o cargo que a atual pré-candidata ocupava antes de sua candidatura —no caso, ministra de Minas e Energia, em 2003 e, em seguida, ministra-chefe da Casa Civil, a partir de 2005.
.
Já a expressão “terrorista” está ligada ao passado de militância de Dilma contra o regime militar no país. Apesar do termo estar associado ao uso de violência, não há provas de que a ex-ministra tenha participado de atentados ou ações armadas.

Senadora e evangélica?
Já quem pesquisa “Marina Silva é”, depara-se com os termos “evangélica”, “crente”, “senadora”. Nesse caso, os usuários estão certos.

A candidata é evangélica e congrega na Assembleia de Deus. O termo “crente” também é usado por muitos brasileiros ao se referirem aos evangélicos. A pré-candidata do PV assumiu seu primeiro mandato como senadora aos 36 anos.
(Fonte: UOL eleições)
.
.
.

Nenhum comentário: