19 agosto 2009

- A ENTREGA ANUNCIADA DE UMA INDIGESTA PIZZA.

.
Como se fora uma morte anunciada (portanto algo esperado), o Conselho de Ética (?) do Senado, por nove votos a favor e seis contra, arquivou, em definitivo, todas as denúncias apresentadas contra o presidente da Casa, a múmia (quase paralítica) José Sarney, que é dono do estado do Maranhão mas é do PMDB do estado do Amapá. Resta um consolo: o colegiado ainda avaliará as representações levadas a efeito contra o escroque.

Seis foram as denúncias analisadas em bloco pelos membros do Conselho de Ética (?), destas, quatro (04) foram apresentadas pelo líder dos tucanos, Arthur Virgílio, e duas em conjunto por Virgílio e Cristovam Buarque.

Vale lembrar que as denúncias têm um peso menor em relação às representações, apresentadas por partidos e que podem resultar em cassação. O caminho até a perda de mandato, no caso de uma denúncia, é mais longo.

O que chama mais a atenção nesse episódio, pasmem caros internautas (!!!!!!), é que Durante a sessão, foi lida no plenário do conselho uma carta do presidente nacional do PT, Ricardo Berzoini (exemplo de honestidade e retidão), com a orientação para que todos os integrantes do partido votassem pelo arquivamento das representações, tendo por justificativa para o posicionamento a falta de condições do Conselho de Ética (?) para encaminhar uma investigação isente e equilibrada. Resumindo o entendimento do Berzoini: para encaminhar uma investigação iseneta e equilibrada o Conselho de Ética (?) não tem condições, mas para arquivar as denúncias tem. Uma gracinha.

NOTA: esse é mais um episódio lamentável envolvendo o Partido dos Trabalhadores, principalmente se levarmos em conta que o PT tem hoje a usualidade de um "discurso" totalmente distoante da prática. Às favas a dialética, a identidade, a ética, etc...
.
.
.
- CRESCE A QUANTIDADE DE CHEQUES DEVOLVIDOS SEM FUNDOS.
.
Dados divulgados pela SERASA (que é uma empresa multinacional com plena atuação no Brasil) revelam: o número de cheques devolvidos por cada mil compensados cresceu 9,4% no mês de julho em relação ao mês anterior, Seria a incidência dos efeitos da crise (cognominada de marolinha, lembram?) ou a inadimplência deliberada estaria em uso no Brasil??
.
Só para se ter uma noção do que representa isso em números, em julho foram devolvidos 22,1 cheques a cada mil compensados, e em junho, 20,2. Ao todo, houve 2,31 milhões de devoluções de cheques em julho, e 104,52 milhões de compensações. Em junho, foram 2,14 milhões de cheques devolvidos, e 105,96 milhões de compensados.
.
Vejam as causa que determinaram o aumento da inadimplência, segundo entendimento do pessoal da SERASA, deve-se: 1. aos presentes para o Dia dos Namorados, financiados com cheque pré-datado, que tiveram o vencimento da 2ª parcela; 2. às compras por causa do inverno mais rigoroso; 3. aos maiores gastos nas férias em viagens domésticas, em detrimento aos destinos para o exterior com maior incidência de gripe suína; e, 4. ao maior número de dias úteis em julho (23), em relação a junho (21).

NOTA: Coincidência ou não, mas, parece que a onda (negativa) causada pelos estragos da múmia José Sarney (uma espécie de dono da Capitania Maranhense), de janeiro a julho deste ano, o Maranhão foi o estado que apresentou o maior número de cheques devolvidos por mil compensados (94,6). Resumindo: Sarney faz escola e, por isso mesmo, a maioria dos maranhenses inseridos na estatística seguem o seu exemplo.
.
.
www.twitter.com/herbertmota
.
.

Nenhum comentário: