25 agosto 2009

- COBRANDO A FATURA.

.
Deu a lógica: depois de salvar o crápula do Sarney, o presidente Lula cobra apoio do PMDB, visando as eleições de 2010. A fatura pode sair além da conta disponível nos cacifes estaduais do PMDB.
.
No Rio Grande do Norte, por exemplo, PMDB e PT, no querer de Lula, devem acertar a composição, independentemente de desavenças, uma vez que o objetivo maior é a candidatura de Dilma Rousseff.
.
Embora o Deputado Henrique Alves tenha comunicado ao Presidente Lulla que o seu primo, Senador Garibaldi Alves, vem demonstrando interesse em se compor com o democratas do Senador José Agripino, como resposta ouviu: "o PMDB pode apoiar qualquer candidatura menos a que tiver o apoio de José Agripino."
.
A afirmação de Lula é uma espécie de trauletada no Senador Garibaldi, uma vez que ele (Garibaldi) vem implementando uma forma de fazer política que não funciona: "gosto de juazeiro mas adoro petrolina"... vai dançar.
.
.
.

Nenhum comentário: