29 julho 2009

UERN: TRABALHOS DA ASSEMBLÉIA ESTATUINTE TERÃO CONTINUIDADE AOS SÁBADOS.

.
Após a aprovação de princípios como a paridade dos votos para a escolha de dirigentes, gratuidade em todos os serviços realizados na UERN, e mudança na estrutura organizacional, com a substituição das Faculdades pelos Centros de Ensino, os 220 delegados que compõem a Assembléia Estatuinte vão continuar se reunindo aos sábados para apreciar e votar o novo Estatuto da UERN.
.
Inicialmente prevista para encerrar no domingo passado, dia 26 de julho, a Assembleia Estatuinte não pôde ser concluída e a Comissão Executiva do Processo Estatuinte (CEPE), que é presidida pelo professor Lucio Ney de Souza, decidiu, em acordo com os delegados, pela prorrogação das discussões. Dessa forma, os trabalhos da Assembleia Estatuinte terão continuidade no Auditório Milton Marques de Medeiros, da Faculdade de Ciências da Saúde (FACS), aos sábados, de 7h30 às 17h.
.
Como os princípios e questões polêmicas já foram votados, a CEPE prevê que os trabalho serão concluídos em três sábados, dessa forma, o prazo de entrega do documento ao CONSUNI, no dia 31 de agosto, deve ser cumprido.
.
No domingo passado, 26 de julho, a Assembléia Estatuinte, no Auditório Amâncio Ramalho, da UFERSA, foi realizada até às 13h. Os trabalhos foram suspensos no início do terceiro capítulo do Documento Sistematizado, que trata sobre a Estrutura Administrativa da UERN.
.
Fonte: uern.br
.
.
CURTINHAS:
.
- A suposta criação de um bloco "independente" no âmbito do legislativo mossoroense, composto (também supostamente, ressalte-se) por quatro (04) edis, remete-me a um filme que já assistí há alguns anos. Embora com um diretor (do filme) e protagonistas diferentes, certamente que o local, o roteiro, os fins e o desfecho, ao fim e ao cabo, serão os mesmos.
.
- A maioria das críticas que são direcionadas à municipalização do trânsito, principalmente à forma de atuação dos agentes de trânsito da Gerência do Trânsito do município de Mossoró (vulgarmente cognominados de "amarelinhos") representa, quase sempre, três (03) tipos de desabafo: o primeiro, em maior número, parte de pessoas que acham que existe uma legislação de trânsito exclusivamente delas; o segundo, numa escala menor, é fruto de questiúnculas pessoais; já o terceiro, em número reduzidíssimo, advém dos que realmente desejam ver o trânsito melhor organizado.
.
- O velho (experiente) jornalista, radialista e blogueiro, Thurbay Rodrigues, está dando um verdadeiro "show" no seu blog, principalmente no quesito "furo". Confira: http://www.blogdothurbay.blogspot.com/
.
.
.
.

2 comentários:

Anônimo disse...

Meu caro Hebert, sou funcionario da CMM e posso dizer que essa historia de bloco independente é uma fomra deles fazerem chantagem para leval uns R$...

Anônimo disse...

os amarelinho tem que botar pra fuder mesmo.
aqui em mossoró o povo que dirigir de todo jeito.
e tem mais tem que tirar essa ruma de banca que tão nas calçada atrapalhando os pedestre e na rua atrapalhando o transito. essa historia de dizer que isso traz desemprego é balela. essa bancas ertencem a ricos comerciantes que botam seus testa de ferro. é uma forma de nao pagar imposto.