29 outubro 2007

- MESMO NEGANDO, LULA SONHA COM TERCEIRO MANDATO.


Na noite da última sexta-feira, Lula celebrou o aniversário de 62 anos numa festa privê (chique), no interior do Alvorada. Já no sábado (27), defronte do palácio que lhe serve de residência, recebeu a plebe petista (foto). Junto com a mulher, Marisa, soprou as velas de um bolo providenciado por militantes do PP brasiliense.
O presidente aproveitou a ocasião para tentar desvincular-se da articulação companheira que prepara a apresentação de uma emenda que abre na Constituição uma janela para o terceiro mandato. "Ficar discutindo 2010 é um atraso", disse o presidente. E continuou: "Acho que essa discussão não cabe; acho que o Brasil não precisa disso. A alternância de poder é uma coisa extremamente importante para o fortalecimento da economia".
Instado a comentar especificamente a emenda re-reeleitoral, Lula disse: "Não apóio. Não acho necessário haver uma proposta como esta. Acho que nós temos de fazer agora é que todo mundo trabalhe para o Brasil crescer mais". Acrescentou: "Eu continuo dizendo que esse negócio de achar que tem pessoas que são imprescindíveis e insubstituíveis não existe na política".
(Fonte: Folha)

Nenhum comentário: