08 fevereiro 2007

-PEDRINHO MATTAR MORRE AOS 70 ANOS

O pianista Pedrinho Mattar, 70, morreu na tarde desta quarta-feira, vítima de um infarto fulminante, em sua casa, em Santos. Mário Garcia, cunhado do pianista, disse que Pedrinho Mattar não estava fazendo nenhum tipo de tratamento médico. "Foi uma fatalidade. Não esperávamos isso."O corpo do pianista foi velado no Hospital Beneficência Portuguesa. Hoje, deve seguir para o cemitério do Araçá, na cidade de São Paulo, onde será enterrado às 14h. Em uma carreira de quase 55 anos, o piano de Mattar acompanhou artistas como Chico Buarque, Bibi Ferreira, Marisa Gata Mansa, Cauby Peixoto e Maysa - com quem fez turnê pela Europa, em 1962. Nos anos 90, apresentou o programa "Pianíssimo", na Rede Vida. Além disso, foi convidado pelo ex-presidente dos EUA Jimmy Carter a tocar na Casa Branca.

Nenhum comentário: