07 dezembro 2006

-VOCÊ CONHECE ALGUMA MUDANÇA DE REGRA PARA BENEFICIAR O CONSUMIDOR/CONTRIBUINTE??

A partir de março, a conta de telefone começará a ser cobranda por minutos e os clientes precisam ficar atento para evitar que fique mais cara.
A partir de março de 2007, as ligações locais feitas de telefone fixo serão cobradas por minuto, e não mais por pulsos. A mudança vai permitir que o usuário receba o detalhamento de todas as ligações na sua conta de telefone, como já acontece hoje com os interurbanos e ligações para celular. Não se engane, esse servicinho a maior será pago inevitavelmente por nós.
É importante ficar atento para a questão. Dois meses antes da mudança, os assinantes serão avisados por carta e terão de escolher entre dois planos de tarifas: um para quem usa pouco o telefone e outro para quem gasta mais ou utiliza internet discada. Na realidade, o sistema está sendo implantado com um certo atraso, uma vez que deveria estar em voga desde janeiro pretérito. E a razão para o atraso advém exatamente do fato de as regras anteriores serem totalmente prejudiciais aos usuáriosl (como sempre). Pelas regras definidas anteriormente, pasmem, as ligações de até 3 minutos ficavam mais baratas e aquelas com mais de 4 minutos ficavam mais caras. A solução, no entanto, não creio que possa beneficiar os usuários, já que vamos continuar pagando uma das mais caras tarifas do planeta. As novas regras, conforme dito anteriormente, definem dois plans de tarifas para o consumidor escolher com qual prefere ser "financeiramente sugado." Sobre as mudanças ainda, importante lembrar que a empresa de telefonia vai enviar uma carta oferecendo dois planos: o Básico e o Alternativo. Quem não se manifestar será incluído no Básico. O usuário também poderá mudar de plano posteriormente, quando e quantas vezes quiser, e sem custos. A carta chegará dois meses antes da mudança e terá uma tabela comparando as vantagens das duas opções para que cada um possa escolher o melhor plano. Os dois planos terão o mesmo valor de assinatura mensal. O que muda é a quantidade de minutos incluídos nela e o valor da tarifa. O novo Plano Básico terá uma franquia de 200 minutos. Ele é indicado para quem faz ligações mais curtas (de até 3 minutos). Já o outro plano (Alternativo) é indicado para "resolver" o problema das ligações com mais de quatro minutos. Nesse plano, embora a franquia seja de 400 minutos, e o valor da tarifa seja menor, em contra-partida é cobrada uma taxa fixa por ligação (a cada 4 minutos), ou seja, se a sua ligação for de apenas um minuto, a taxa será cobrada. Dá até pra imaginar alguns diálogos engraçados: ... não, não, pode continuar ainda temos mais de dois minutos para terminar o tempo... (Fonte: ANATEL - http://www.anatel.gov.br)

Nenhum comentário: