03 abril 2013

CNJ INICIA SEGUNDA EDIÇÃO DO MUTIRÃO CARCERÁRIO NO RN.

Em solenidade ocorrida ontem, 2, no Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norete (TJRN), o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) iniciou o Mutirão Carcerário do Rio Grande do Norte (RN). Serão 30 dias de inspeção nas unidades prisionais de dois municípios, Natal e Mossoró.

Esta é a segunda edição do Mutirão no estado. A primeira ocorreu em 2010 e resultou na libertação de 288 pessoas presas irregularmente, e o reconhecimento de 590 benefícios aos apenados. 
 
O mutirão potiguar tem o objetivo verificar se o Poder Executivo do estado cumpriu as recomendações feitas pelo CNJ à época. Entre elas, a ampliação da estrutura física dos presídios, que se encontravam superlotados.

No Rio Grande do Norte, há 4.476 presos. Desses, 1.001 são provisórios e 3.475 já foram condenados pela Justiça.

 
Fonte:AgênciaCNJdeNotícias

Nenhum comentário: