04 maio 2011

DÉJÀ VU . . .

.

Bate-papo de Agripino com Collor e Renan no Senado

.
A sessão desta terça-feira (03), do Sendo Federal, onde foi aprovada a indicação de três novos embaixadores: Luís Fernando de Andrade Serra será o embaixador do Brasil em Cingapura; Renato Luiz Rodrigues Marques assumirá o posto em Belarus; e Vergniaud Elyseu Filho chefiará a embaixada na Estônia, chamou a atenção por outro fato: quer saber?
.
No plenário um bate-papo no mínimo intrigante: o senador José Agripino Maia (DEM-RN) com os colegas polêmicos de Alagoas: Fernando Collor (PTB) e Renan Calheiros (PMDB), personagens de muitos escândalos em seus currículos. 
.
Apenas para avivar a memória, Agripino, com o apoio do presidente Collor, venceu com 52% dos votos a eleição para o Governo do Estado, em 1990. Já Renan, era um dos defensores na então bancada colorida no Congresso Nacional
.
Pode esperar que vem novidade por ai...
.
Fonte: blog do marcos dantas
.
.

2 comentários:

Anônimo disse...

Caro amigo Herbert. Isso é o que podemos chamar de trio parada dura. O que será que eles estão tramando, hein? Algo de bom para o povo é que não é. Togo Ferrário.

Herbert Mota disse...

Meu caro Togo, diz o ditado que "quando três ou mais bandidos se reúnem (sem a presença do chefe, lógico) só acontece por dois motivos: ROUBAR ou MATAR o chefe." Eu não diria que esses ai chegariam a tanto... daqui a dez anos esse trio, que não serve de exemplo pra ninguém, será apenas parte história...