03 setembro 2008

- TRE CONFIRMA INDEFERIMENTO DA CANDIDATURA DE MANOEL PAULO CAVALCANTE A PREFEITO DE UMARIZAL

.
. Manoel Paulo Cavalcante - Candidatura indeferida.
.
Manoel Paulo Cavalcante, o "Néo" (foto), postulante a prefeitura de Umarizal, pelo PR, tem registro indeferido pelo TRE/RN. Na realidade, a nossa Corte Eleitoral apenas confirmou a irretorqüível e isenta decisão proferida em primeira instância.
.
Contas reprovadas pelo Tribunal de Contas da União (TCU) referentes a convênios quando o recorrente era gestor público, sustentaram decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE/RN), que nesta terça-feira (02), em sessão ordinária indeferiu o registro do candidato a prefeito de Umarizal, Manoel Paulo Cavalcante.
.
A relatoria do Recurso Eleitoral 8298/2008 ficou a cargo do juiz Magnus Delgado. Ele informou aos demais juízes do Pleno que Manoel Paulo ingressou na Justiça Comum com ação desconstitutiva, mas não obteve o pronunciamento judicial desejado. Ele entrou com ação depois de ter protocolizado seu pedido de registro de candidatura.
.
O TCU julgou quatro processos referentes a Manoel Paulo com irregularidades insanáveis. O procurador regional eleitoral, Fábio Venzon, apresentou parecer pela manutenção da sentença de primeira instância que indeferiu o registro de Manoel Paulo Cavalcante.
.
A decisão do TRE/RN, desde o inicio da noite de ontem vem sendo objeto de comentários e discussões em toda a cidade de Umarizal.
.
A informação que nos chega é que o Manoel Paulo pretende recorrer da decisão para tentar reverter a situação no TSE. Aliás, creio que se assim proceder, estará unicamente exercendo o seu "DIREITO DE ESPERNEAR". E, só.
..
Uma outra informação, que aliás já divulguei anteriormente, é quanto ao nome para substituir o candidato Manoel Paulo Cavalcante, que será indicado pelo seu partido, o PR. A sua esposa, Elijane Cavalcante, que é candidata a vereadora, será, provavelmente, o nome por ele indicado para "correr na chapa" nas eleições de Umarizal.
.
.
Comente esta matéria.
Obrigado pela visita.
.
.

Nenhum comentário: